Operação desarticula quadrilha interestadual de assaltos a bancos

199 views

15135093371

A Força Tarefa da Secretaria da Segurança Pública da Bahia integrou a ação que desarticulou uma das maiores quadrilhas de assalto a grande valores – agências bancárias, carros-fortes e mineradoras – do país, na madrugada deste domingo (17), na cidade de Montes Claros, Minas Gerais.

Com o grupo, apontado como remanescente da quadrilha que tentou assaltar a agência do Banco do Brasil em Bom Jesus da Lapa, ação em que dois PMs foram mortos, foram encontrados cinco fuzis, sendo um calibre .50, duas pistolas Cal 9mm e farta munição de calibres .50, 7,62mm, 7,62 curto e 9 mm, além de aproximadamente 20kg de explosivos

A operação conjunta é resultado do compartilhamento de informações da SSP da Bahia, através da Força Tarefa, das polícias de Minas Gerais e Goiás, da Polícia Federal (BA e DF), da Secretaria de Administração Penitenciária do Paraná e da Polícia Civil do Estado de Sergipe.

De acordo com o coordenador da Força Tarefa da SSP, major Marcelo Barreto, a quadrilha, que foi interceptada em Montes Claros, planejava uma nova ação criminosa contra um carro forte, esta semana. O crime seria executado no município mineiro onde foram localizados. ” Graças ao trabalho conjunto nos adiantamos e eles reagiram a ação”, conta o major.

Jean Carlos de Barros Dantas, Bereberê e Aldenir Quirino de Sá, conhecido como Galeguinho de Senhora, morreram em confronto com o Batalhão de Operações Policiais Especiais da PM de MG. Já Naelbe Bezerra, seu irmão Jeu Julio da Silva e Yago Nunes de Souza foram presos.

Ainda segundo Barreto, Bereberê era irmão de Carlos Jardiel de Barros Dantas, líder da quadrilha e morto em confronto com a polícia de Goiás, em maio deste ano, em outra operação conjunta em parcerias com polícias do Nordeste, inclusive, a da Bahia. Após esse desfalque, Bereberê assumiu a organização criminosa e continuou com os ataques às instituições financeiras com o restante da quadrilha.

Com a operação deste domingo, sobe para 13 os fuzis apreendidos com a quadrilha que, além da ação em Bom Jesus da Lapa, também é responsável por assaltos a bancos e carros de valores em Unaí e Grão Mongol, em Minas Gerais, dentre outros municípios da Bahia e de Goiás.

15135093374 15135093376 15135093377

Fonte: Ascom / Kelly Hosana

Print Friendly