Conheça Aracajú e se encante!

65 views

aracaju

Repleta de atrativos naturais e com muita história para contar, Aracaju é um dos mais belos destinos do Nordeste e porta de entrada para outros destinos sergipanos.

Ainda pouco conhecida dos brasileiros, Aracaju é uma cidade surpreendente e um excelente destino turístico não apenas no verão. Comece a se surpreender pelo Museu da Gente Sergipana, fantástico e high-tech. Durante a visita, o turista faz uma imersão no folclore, símbolos, natureza, arte, história, culinária, festas e costumes sergipanos em linguagens tecnológicas modernas e interativas. Conheça também o Palácio e Museu Olímpio Campos, antiga sede do governo do estado, com seus espaços nobres, salas de reuniões e banquetes, além dos mobiliários, objetos, obras de arte e espaços privativos dos governantes.

Parada obrigatória no Centro Histórico de Aracaju, a Catedral de Nossa Senhora da Conceição (1875) ostenta pinturas que fazem referência ao surgimento de Aracaju, planejada em 1855 para substituir a antiga capital, São Cristóvão. Esta última, de arquitetura colonial, é Patrimônio Mundial da Unesco e pode ser visitada a partir de Aracaju. Os mercados municipais na região central da capital sergipana atraem pela arquitetura, histórias locais, cheiros, cores e sabores dos alimentos e produtos regionais. Já no Centro de Turismo, os visitantes encontram lojas de artesanato, além do Museu do Artesanato Sergipano. E para apreciar toda essa beleza do alto, vale uma pausa na Colina de Santo Antônio e uma visitinha ao santuário do santo casamenteiro.

Outra bela surpresa é a orla de Atalaia, onde visitantes e locais desfrutam dos parques e equipamentos esportivos ao longo de seis quilômetros à beira mar. A praia surpreende pela urbanização e diversidade de atrativos como hotéis, restaurantes e espaços como a Passarela do Caranguejo, ponto de encontro para saborear pratos derivados do crustáceo e dançar forró no embalo da sanfona, triângulo e zabumba.

Ao todo são 35 km de praias. A praia do Robalo é uma das preferidas dos turistas. E, para quem quer surfar ou busca tranquilidade, a do Mosqueiro é a melhor tradução de sossego na orla de Aracaju. Já na divisa de Sergipe com a Bahia fica a paradisíaca Mangue Seco. Outra opção de sol e mar é atravessar o rio Sergipe de barco para mergulhar na Ilha de Santa Luzia, adornada de coqueiros e pontilhada pelos barcos de pesca.

Ainda em Aracaju é possível passear de barco pelo manguezal do rio Vaza Barris, que adorna a cidade. O turista se familiariza com o “berçário do oceano”, onde a vida marinha se renova. É do mangue que saem os caranguejos e mariscos que viram petiscos, caldos, moquecas e tantos outros pratos que alimentam visitantes e moradores e fazem girar a economia do turismo sustentável. Na mesma linha da preservação da natureza, visitar o Oceanário de Sergipe, na orla de Atalaia, equivale uma aula “ao vivo” sobre conservação das espécies do mar e das águas do rio São Francisco. Os Cânions e a Foz do rio São Francisco também são passeios inesquecíveis.

FESTAS POPULARES – Em janeiro, Aracaju ferve com a prévia que antecipa o carnaval na cidade nos dias 19, 20 e 21. A festa segura o folião local e atrai visitantes dos carnavais de Recife e Salvador. Em junho, o Forró Caju atrai turistas de todo o Brasil. Cerca de 100 mil pessoas, por noite, ocupam as ruas e parques da cidade para comer, beber e dançar quadrilhas juninas, além de participar dos shows com atrações regionais e nacionais.

aracaju1
Fonte: Mtur

Print Friendly